Livros #62 - Rose na Tempestade


Título: Rose na Tempestade

Editora: Novo Conceito
Autor: Jon Katz
Número de páginas: 240
Sinopse: No meio de uma terrível nevasca, a cadelinha Rose insiste em dar conta de seu trabalho como pastora enquanto nos deixa a par de suas curiosas reflexões: onde está Katie, que ela nunca mais viu, embora seja capaz de sentir sua presença em todo lugar? Quem será aquele cachorro selvagem que parece seu amigo? Por que Carol, a mula, fica parada mesmo debaixo de toda a neve que cai? E onde foi parar Sam, que sumiu depois daquele barulho todo?Mas Rose não tem muito tempo para suas reflexões divertidas — e às vezes bem corretas. Agora ela deve voltar sua atenção para uma coisa muito mais séria: correr atrás de Sam, tentar encontrá-lo e, quem sabe, salvá-lo. No entanto, alguns perigos podem ser intransponíveis para uma cachorrinha...



Jon Katz, escritor best-seller do The New York Times, é conhecido por seus livros sobre animais, vida no campo e cultura geek. É também colunista do The New York Times e da revista Rolling Stone. Começou a escrever sobre bichos ao adquirir um border collie que — segundo ele — mudou sua vida, levando-o a morar em uma fazenda. É apaixonado por cães, mas não defende o tratamento humanizado que muitos animais de estimação recebem. Acredita que tratá-los assim é esquecer-se de sua natureza animal. Vive em uma fazenda com sua mulher, seus quatro cães, duas mulas e dois gatos.

A parte gráfica do livro está muito bem trabalhada. A capa apresenta uma ligação forte com o contexto e é realmente linda. Internamente temos uma tipografia agradável, páginas amarelas e uma boa divisão de capítulos, tudo em completa sintonia com o proposto.

Em Rose na Tempestade temos Rose, resultado de um cruzamento entre um cão pastor e um border collie. Rose desde que era um filhote foi levada a fazenda de Sam, que inicialmente não gostava da ideia de ter uma cachorra para pastoreio, mas após um período, o fazendeiro descobriu o talento e dedicação da mesma, já que em pouco tempo Rose começava a mostrar autoridade e um trabalho excelente, sem nenhum treinamento. 

Os anos passam e Sam e Rose formam muito mais que uma equipe, possuem um grande afeto um pelo outro. A fazenda se torna seu lar e proteger os animais uma rotina. Rose possui todo um esquema de como manter a ordem e fazer um trabalho perfeito sem ao menos ter sido treinada para isso, ela cria um mapa em sua cabeça onde tudo deve estar em seu devido lugar. Um animal morre? O mapa muda. Um animal nasce? O mapa muda. E assim, Rose consegue conhecer cada ser e cada lugar. 

"Começou a sentir uma libertação, um relaxamento das pressões do trabalho, vida, responsabilidade, preocupação e até do amor. Entrava num lugar diferente, um sem tempo, nem marcações, nada além do descanso."

Durantes os anos, Rose também teve que adaptar seu mapa para uma nova humana, Katie. Que chegara certo dia na fazendo e não foi embora. De início ficou confusa e se sentiu na obrigação de defender a fazenda, não aceitando assim a presença da moça, vendo-a como uma intrusa. Mas com os dias, Katie com seu jeito, conseguia conquistar a confiança de Rose e se juntar ao mapa, portanto mais uma vez, o mapa mudara. 

Mas depois de um certo tempo, Katie sumira. Inexplicavelmente. Rose procurava todo dia por ela, nos lugares que costumavam ir, na casa, na fazenda... mas nada de Katie. O que será que tinha acontecido com ela? Onde estava? Iria voltar? Perguntas frequentes na mente de Rose. Sam não falava mais sobre ela com frequência, e seu comportamento tinha mudado. Não era mais o homem feliz que era, carregava uma angústia arrasadora dentro de si. Mas isso Rose não sabia como mudar, não estava entre as coisas que sabia fazer no trabalho, tudo o que podia fazer era escutar e lhe fazer companhia.

Este era apenas um dos problemas de Rose, em um dia normal como os outros, logo pressentiu que algo estava acontecendo. Uma tempestade violenta estava por vir, diferente de todas as outras, podia escutar os animais se preparando para o pior e agitados com que aconteceria. Com a tempestade, Sam e Rose tentam de tudo para salvar os animais, a fazenda e a si mesmos. Uma tempestade que muda todo o mundo de Rose, seu mapa e tudo o que conhecia.

"Era nesses momentos que seus sentimentos por Rose cresciam com muita rapidez dentro de si, às vezes quase o oprimiam. Achou que ela conseguia na certa sentir o que ele não dizia: vamos resolver isso juntos."

Citando as personagens, Sam é um fazendeiro de sangue. Sua fazenda passou por gerações e se dedica nela dia e noite. Possui uma forte personalidade e apesar de não conseguir demonstrar seus sentimentos, é um homem gentil e prestativo. Já Katie é o sentimento em pessoa, gosta de afeto, amor, carinho e não tem medo de demonstrar isso. Logo de início podemos observar a luta para conseguir a aprovação de Rose e sua amizade.

Rose é uma cachorra inteligente, consegue cuidar de tudo na fazenda e detecta qualquer tipo de problema. Apaixonada pelo seu trabalho, o faz sempre com extrema dedicação, fazendo com que diversos fazendeiros tenham admiração e respeito por ela. Com o decorrer do livro conhecemos também Flash, um cão selvagem com a idade já avançada, que sempre costumava rondar a fazenda e com a tempestade buscou abrigo e foi acolhido. Se tornando um grande amigo de Rose e Sam. Um lugar onde voltou a amar e ser amado.

O livro realmente me conquistou. A escrita do autor é ótima e mostra o completo entendimento que possui do assunto. A cada capítulo, o leitor consegue entrar no mundo de Rose e admirar a coragem e a lealdade da cachorra com a fazenda e seus donos. São páginas repletas de amor, drama, escolhas. Até que ponto um animal vai para proteger o que acredita, o que ama? Uma leitura para refletir sobre sentimentos e companheirismo. 

"Sentia-se forte, cheia de vida.
E sentia-se, pela primeira vez na consciência, leve e livre.
E não solitária."

32 comentários:

  1. Sua resenha foi a que mais me chamou a atenção dentre todas as que já vi sobre esse livro. Não é meu estilo de leitura preferido, por isso demorei a me interessar, mas agora acho que vai rolar muito de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  2. Se antes eu já tava com vontade de ler esse livro só pela sinopse e pela capa, a sua resenha só fez aumentar essa vontade!! Deve ser tão lindo, tão apaixonante... Sinto que vou cair de amores pela Rose. *_* As pessoas deveriam aprender mais com os animais, nee... Com a lealdade que eles têm com os seus donos, pessoas que eles amam. Como estão juntos até a morte (lembrando do caso Hachiko). Vou correndo comprar esse, sem dúvida!

    ResponderExcluir
  3. Tbm adoro cachorros e fiquei apaixonada por esta capa! Muito linda! A história tbm parece ser bem comovente, ja sei que vou chorar rios! Rsrsrsrsrs

    Parabéns pela resenha, adorei, mais um livro na minha listinha!

    Bjo ^ ^

    ResponderExcluir
  4. Não sei o que me chamou mais a atenção: a foto da cadela LINDA na capa ou o enredo do livro! É uma história que parece bem real, pois todos nós sabemos o quanto os cachorros são dotados de muita inteligência. Quero ler :)

    ResponderExcluir
  5. Ah, o livro parece bonitinho, fofinho e tudo o mais e sua resenha tá boa também mas....não é pra mim viu. Não sou fã nem de filmes com animais...imagina de livros então.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Eu adorei a resenha e não sei porque tenho a sensação que irei chorar, o que aconteceu com a Katie? Que bom que você gostou da leitura.
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Gosto de tramas com animais, quero ler esse livro em breve.

    Bjo!

    ResponderExcluir
  8. adorei a resenha, parece ser um livro ótimo mesmo!
    nunca li nada neste estilo, mas fiquei bem curiosa
    tenho um border collie também, e isso influencio para mim ficar curiosa em ler o livro :P

    ResponderExcluir
  9. Adoro livros com animais e esse parece ser uma história bem fofa.
    Fiquei com mais vontade de ler!! E a capa linda!!

    ResponderExcluir
  10. Parei, se eu choro com comercial das Casas Bahia não estou preparada pra ler esse livro!!! Linda a capa e sua resenha ta 10!!!

    ResponderExcluir
  11. Livros sobre animais me interessam bastante!! Eu amo ler essas histórias de animais que são mais que amigos. :)

    ResponderExcluir
  12. Linda estória! Adoro livros sobre animais, esses seres que mostram sua coragem e amor incondicional para com seu dono ou outras pessoas. Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  13. Já havia lido uma resenha sobre este livro em outro blog, mas confesso que não me encantei pelo livro, sua resenha com certeza me surpreendeu, me fez desejar conhecer mais da historia de Rose, parabéns pela imparcialidade e pela gana em fazer um bom trabalho.

    ResponderExcluir
  14. Adoro histórias com animais, estou doida pra ler esse livro, tenho certeza que vou me emocionar muito!

    ResponderExcluir
  15. Já ouvi falar desse livro e li algumas resenhas, mas não fiquei interessada. Depois de ler a resenha que você fez fiquei curiosa em lê-lo.
    Quem sabe mais para frente!?

    ResponderExcluir
  16. Amo histórias com cachorros, e só pela capa, já me encantei. Preciso ler.

    ResponderExcluir
  17. Nossa amei sua resenha , desperta vontade de ler esse livro ainda mais que tinha ouvido falar que era chatinho rs .. irei le-lo com certeza !

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pela Resenha,linda história.Eu amo cachorros,fiquei bastante curiosa para ler!

    ResponderExcluir
  19. Achei a história de Rose linda. E que drama e dificuldades os personagens enfrentaram. Sorete terem essa cadela tão incrível. Ansiosa pra saber mais sobre ela e seu dono. Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Estou louca pra ler. A capa é maravilhosa e adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  21. Essa resenha realmente me surpreendeu! Não dei muita atenção para este livro quando o vi pela internet mas agora fiquei curiosa para conhecer esta história. Com certeza entrou para minha wishlist.

    ResponderExcluir
  22. Ahhhh amei a resenha <3
    Quero muito ler esse livro, apesar de ter lido algumas resenhas negativas.
    Amo histórias com animais*-*

    Beijocas
    http://cupcakedeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Adorei a capa e a resenha. Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  24. amei o livro, nunca tinha ouvido falar dele mas estou super curiosa para lê-lo agora, sua resenha ficou maravilhosa...Parábens!!!

    ResponderExcluir
  25. Larissa Rocha: GENTE amei a capa tambem tenho uma Border Collie. E ainda mais depois dessa resenha é obvio que eu vou ler. Amo historias de cachorros, sempre mostra a lealdade deles e o amor incondicional que ele tem pelos donos. adorei. (=

    ResponderExcluir
  26. Já vi diversas resenhas super positivas desse livro, falando o quão diferente foi ler um livro pela visão de um cachorro. Mas eu não posso ler, porque eu choro muito com tudo que envolva animais hahahahha (vergonha de assumir...) :s

    Beijo

    ResponderExcluir
  27. Gosto de ler livros sobre animais, quero muito ler esse! Parece ótimo.

    ResponderExcluir
  28. Já estava louca para ler esse livro e depois dessa resenha fiquei mais louca ainda!!
    Adorei.! E sim, eu vou chorar quando ler esse livro :c
    Parabéns, pela resenha!

    ResponderExcluir
  29. EU LI ESSE LIVROS, super indico, gente é lindo por demais, não tenho palavras para descrever. Essa resenha está perfeita :D

    ResponderExcluir
  30. Não tenho o menor interesse em ler esse livro. Eu amo animais, amo mesmo. Mas esse livro não me chamou a atenção, e essa é a primeira resenha que leio que fala bem dele, já li várias que tinham abandonado o livro por ser chato. Enfim, não tenho a intenção de lê-lo, mas quem sabe um dia eu não dou uma chance, até porque eu amei essa cachorrinha na capa, ela é linda!!

    ResponderExcluir